Mulher desrespeita quarentena de parque e cai dentro de Gêiser

Mulher desrespeita quarentena de parque e cai dentro de Gêiser

No dia 12 de maio deste ano, uma mulher norte-americana invadiu o Parque Nacional de Yellowstone, interditado durante a pandemia do novo coronavírus e, ao tentar fazer uma selfie no famoso gêiser Old Faithful (em português, “Velho Fiel”), acabou caindo nas águas ferventes da fonte termal.

A invasora, que não teve sua identidade revelada pelas autoridades, estava circulando pelo parque e tirava fotos perto de vários gêiseres quando escorregou ao fazer uma pose e caiu dentro de um deles. 

Ainda não se sabe em qual fonte de água termal a mulher caiu, mas ela sofreu severas queimaduras. Ao sair, dirigiu em direção ao norte pelo parque por mais de 80 quilômetros até ser contatada por guardas florestais a 1,6 quilômetro de Mammoth Hot Springs.

Um porta-voz do parque afirmou que “devido aos ferimentos, ela foi levada, via aérea, ao centro de queimados do Idaho Regional Medical Center”.

O Velho Fiel

Não se sabe se a queda da mulher ocorreu exatamente no Old Faithful, o principal objetivo dela ao invadir o parque era vê-lo. Esse tradicional gêiser foi o primeiro a receber um nome, em 1870, entre cerca de 500 fontes termais existentes em Yellowstone.

Considerada a principal atração do parque, ele recebeu esse nome de “Velho Fiel” porque suas erupções ocorrem aproximadamente a cada 60 a 110 minutos, o que conferiu ao Old Faithful o apelido de “relógio da eternidade” — apresentando uma coluna de água de mais de 90 metros no ar.

A temperatura da água em um gêiser sofre variações de acordo com sua localização, que pode ser no subsolo ou na erupção. Sondas colocadas nas fontes termais registraram temperaturas bem superiores a 100 ºC. De qualquer forma, é o bastante para causar sérias queimaduras.

As erupções de água escaldante que chegam a quase 100 metros de altura são consequência do supervulcão que existe no subsolo do parque e fica em constante atividade. 

Infelizmente, o gesto impensado da invasora não é novidade em Yellowstone, onde vários turistas por vezes se arriscam ao se colocarem em situações perigosas e até mesmo fatais. Em 2016, um jovem de 23 anos morreu dissolvido ao cair em uma das fontes termais.

Mega Curiosidades

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *